Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SAPO Zen

Horóscopo ... Porquê?

A história é sempre a mesma , uma nova semana e a vontade de saber como estão as coisas para o nosso lado.

 
Sempre me questionei sobre o que procuramos saber quando consultamos os horóscopos. Confesso que, utilizando a máxima de “ em casa de ferreiro, espeto de pau”, uma coisa que nunca tive foi o hábito de consultar horóscopos. Também diga-se de passagem que nos meus velhos tempos muitas vezes tinha amigos meus que escreviam horóscopos em jornais e revistas. Só que não eram nem tarólogos e muito menos astrólogos. Eram promissores estagiários em jornais e revistas que ao estarem a terminar a sua formação em comunicação social, calhava-lhes por vezes a árdua tarefa de “inventar” o horóscopo. Hoje as coisas diferentes e vários são os astrólogos e tarólogos que se dedicam a fazer as previsões mesmo à sério.
 
Mas o que me faz pensar hoje é o que as pessoas querem saber quando consultam os seus horóscopos. Será por mera curiosidade, casualidade ou o mero desejo de ter o futuro sob controle. Ilusão de poder? Ou medo do novo e do inesperado?
 
De qualquer forma, qualquer que seja o motivo, o importante é considerar que este tipo de horóscopo, pelo signo solar ( o da data do nascimento) é a forma de previsão mais abrangente possível pois não somos apenas o nosso signo solar.
 
O tipo de informação mais precisa só pode ser dada através da análise da carta natal ou mapa astrológico que corresponde ao retrato do céu sobre o local onde nascemos, no momento em que nascemos. Ai sim poderemos ter as informações mais personalizadas, e mesmo assim convém lembrar que a astrologia à sério não faz previsões mas indica caminhos e tendências, e que acima de tudo existe o nosso livre arbítrio
 
Mas voltando ao mote principal: o que procuramos e o que nos leva a consultar o horóscopo?
 
Será a vontade de mudar ou o medo da mudança?
 
Será esperança ou deseperança?
 
Vontade de ser feliz ou medo da infelicidade não anunciada?
 
Seja lá qual for  o motivo, o importante é que seja por bem e para o bem?
 
E você, por que razão consulta o seu horóscopo?
Vá lá, responda-me…ajude-me a pensar nisso.
 
 
Heloisa Miranda
sapozen@sapo.pt
 
 

A Entrevistada:

 

Vera Xavier é taróloga

 

Contactos:

 

Lisboa -  213 52 30 75 / 931 168 496

Porto   -  963 781 012